sexta-feira, 8 de junho de 2018

10º DOMINGO DO TEMPO COMUM






“Fazer a vontade de Deus”









Dinâmica- copo água , coração sem pecado 
                       iodo- pecado
                       copo  água sanitária- Jesus 

- copo água explicar que e nosso coração quando nascemos limpo sem pecado, mas todas as vezes que mentimos, brigamos  etc.... ir  pingando o 
iodo  no copo com água , mostrando como fica o nosso coração , a nossa maldade nos afasta do amor de Deus ,  que Deus por amor  mandou seu filho Jesus para nos livrar de todo mal, ir pondo aos poucos água sanitária.
Jesus nos quer com um coração manso humilde sem maldade. 


Oração- fazer um momento de oração pedindo ao Senhor um coração manso e humilde. Devemos  deixar que Jesus limpe nosso coração de toda a maldade e que o Espirito Santo nos guie  para que possamos ter um coração igual de Jesus.
Terminar com  a oração Pai Nosso e Ave Maria com gestos.


Oração

Querido Jesus queremos ser parte da sua grande família! 
Nos ajude a fazer sempre a sua vontade! 

Queremos levar as suas palavras para todos aqueles que ainda não te conhecem para serem da sua família também!


Evangelho (Marcos 3,20-35)

JACARÉ CONSTRUTOR DE PONTES


CONSTRUA PONTES E NÃO MURO AO SEU REDOR
Um rio dividia a floresta no meio. De um lado vivia um Leão e do outro a Onça, e os dois
viviam brigando. Um dia o Leão falou para o Jacaré:
– Eu vou viajar, mas já providenciei todo material, quando eu voltar quero encontrar um
muro bem alto para nem enxergar a onça do outro lado, assim termina todos os meus
problemas.
Encontrará todo material no jardim. O jacaré perguntou:
– Você quer fazer o muro ou resolver seu problema? O leão já bem longe respondeu:
– Não crie mais problemas, eu lhe contratei para acabar com meus problemas.
Quando o leão voltou levou o maior susto. (O que será que o Jacaré construiu?). O jacaré havia
construído uma ponte no lugar do muro. Enfurecido o Leão foi procurar o jacaré, mas quando
olhou viu a onça vindo na ponte em sua direção. Que susto levou o leão quando escutou a onça
dizer:
– Caro Leão, agora sei que você é um amigo de verdade. Mandou construir uma ponte
apesar do desentendimento que tivemos, gostaria de me desculpar. O leão balanço
sua juba tentando por seus pensamentos em ordem.
– Eu mandei construir a ponte!!! Você pediu desculpas!!! O leão estava inda a falar
quando chegou o jacaré.
– Olá dona Onça! Como vai o senhor Leão, foi bem de viagem? Espero ter resolvido seu
problema como me pediu.
– Parece que meus problemas realmente acabaram – respondeu o Leão. Não tem um
muro impedindo que eu chegue até o rio, você construiu isto?
– O mesmo material que constrói um muro constrói uma ponte – disse o jacaré – assim
uma mesma situação pode ser usada para unir ou para separar as pessoas.
Nós brigamos durante anos, que milagre aconteceu?!?! Perguntou o Leão...
– Vou contar-lhes um segredo, “as palavras também fazem pontes”. O que você sentia
pela onça mudou quando a ouviu dizer “DESCULPE-ME”. Por isso palavras como
obrigado, por favor, bom dia, boa tarde, boa noite, desculpe-me, devem estar sempre
prontas para ser ditas, até deixar nossa boca grande como a do Jacaré. E abrindo sua
grande boca o Jacaré dizia:
– Repitam comigo: obrigado, por favor, bom dia, boa tarde, boa noite, desculpe-me...
Desde então amiguinhos a paz voltou na floresta. O Leão e a Onça convidaram o Jacaré
para ficar morando ali, mas o Jacaré recusou dizendo:
Obrigado, mas eu não posso, pois tenho que construir outras pontes



                                                                                    MUSICA

JACARÉ  
TEM BOCA GRANDE
DE  TANTO
FAZER PONTE
UNINDO OS CORAÇÕES
ELE DIZ
VOCÊ RESPONDE
POR  FAVOR
OBRIGADO                                      COM LICENÇA
 DESCULPA                                         ATE LOGO


sexta-feira, 1 de junho de 2018

9º Domingo do Tempo Comum - Evangelho (Mc 2,23-3,6)

   
                                               Evangelho (Mc 2,23-3,6)
Jesus estava passando por uns campos de trigo, em dia de sábado. Seus discípulos começaram a arrancar espigas, enquanto caminhavam.
Então os fariseus disseram a Jesus: “Olha! Por que eles fazem em dia de sábado o que não é permitido?”Jesus lhes disse: “Por acaso, nunca lestes o que Davi e seus companheiros fizeram quando passaram necessidade e tiveram fome? 26Como ele entrou na casa de Deus, no tempo em que Abiatar era sumo sacerdote, comeu os pães oferecidos a Deus, e os deu também aos seus companheiros? No entanto, só aos sacerdotes é permitido comer esses pães”.E acrescentou: “O sábado foi feito para o homem, e não o homem para o sábado. Portanto, o Filho do Homem é Senhor também do sábado”.Jesus entrou de novo na sinagoga. Havia ali um homem com a mão seca. Alguns o observavam para ver se haveria de curar em dia de sábado, para poderem acusá-lo. Jesus disse ao homem da mão seca: “Levanta-te e fica aqui no meio!” E perguntou-lhes: “É permitido no sábado fazer o bem ou fazer o mal? Salvar uma vida ou deixá-la morrer?” Mas eles nada disseram. Jesus, então, olhou ao seu redor, cheio de ira e tristeza, porque eram duros de coração; e disse ao homem: “Estende a mão”. Ele a estendeu e a mão ficou curada. Ao saírem, os fariseus, com os partidários de Herodes, imediatamente tramaram, contra Jesus, a maneira como haveriam de matá-lo

O Domingo foi feito para o homem ou o quê?

Técnica: Dramatização
Personagens: Narrador, Juiz, Promotor, Advogado, Domingo.
Aconteceu que um dia, o Anjo do Senhor se sentiu muito incomodado com o que as pessoas entendiam do dia do Senhor (que antigamente era o sábado e, a partir de Jesus se tornou o domingo) o dia da ressurreição… O dia de se dedicar às coisas de Deus… O dia do descanso… E que bagunça havia se tornado o “domingo”…
Então, o Anjo do Senhor convocou o “Domingo” para uma avaliação… Este, temeroso do “pito” que iria tomar, levou com ele seu advogado, o Doutor “Te-defendo-e-levo-algum”,
(Chegam e se apresentam ao Anjo que também chamou seu ajudante, o Doutor “Tô-de-olho” para esclarecer os fato)
Domingo: – Bem, Senhor Anjo, como pediu eu estou aqui e muito bem acompanhado, do meu advogado.
Advogado: – Sim, excelentíssimo Anjo… O meu cliente aqui, senhor Domingo está estranhando o seu chamado e gostaria de esclarecer que…
Promotor: – Alto lá, caro colega! Eu aqui, o doutor “Tô-de-olho” também represento os interesses do Senhor Altíssimo, em nome do qual, o senhor Anjo me contratou… E posso começar logo a inquerir o réu, quer dizer o acusado, quer dizer o senhor Domingo…
Advogado: – Pode começar, caro colega, estamos prontos (cochicham… senhor Domingo incentiva o doutor “Te-defendo”).
Promotor: – Primeiro, olhe bem como o senhor Domingo está… Todo enfeitado! O quê isso significa?
Advogado: – Bem… Passo a palavra ao meu cliente (e cochicha: “se explica aí, meu!”)
Domingo: – Bem… É que eu sou… Muito especial, e para chamar atenção das pessoas eu trago estes adereços como os balões pra lembrar às crianças que é dia de parque… Essas nadadeiras pra lembrar da lagoa… O pirulito, pra lembrar do parque… A cerveja pra diversão dos pais… Este espeto para o churrasco… A TV… Nem precisava, né? A bola pro futebol… Mas é coisa demais pra se fazer aqui comigo! Eu sou demais… O dia mais feliz da semana!
Advogado: – Viu só! Meu cliente está ciente que seu dia é o melhor, É dia de festa e alegria… De lagoa e futebol… De baralho e de churrasco!
Promotor: – Que feio hein, caro colega! Viu só, Senhor Juiz, no que foi que eles transformaram o dia do Senhor? Em um dia de puro prazer, onde só se divertem… Comem e bebem, que acabam escravizando o homem, tornando o domingo, senhor de nossas vidas. Isso não está certo! É preciso que o Senhor faça com que o réu admita sua culpa e o condene a ser um dia qualquer… O Senhor tem que instituir um outro dia como dia santo, pois eles nem reconhecem o valor desse dia!
Domingo: – Outro não! Outro não! Senhor Juiz, com vossa permissão, o Senhor acha que tenho agido errado pensando somente nos prazeres que proporciono a todos os humanos?
Advogado: – Quem mandou você abrir a boca? O advogado aqui sou eu! E se tem alguém pra fazer pergunta aqui, serei eu! Excelentíssimo Juiz, o Senhor acha que meu cliente tem pensado somente nos prazeres que ele proporciona ao homem?
Promotor: – Mas, que pergunta mais boboca! É claro! O dia do Senhor foi instituído para que as pessoas pudessem descansar e fazer desse dia uma ação de graças a Deus, pelas inúmeras graças que Ele nos proporciona.
Domingo: – Ah, foi pra isso, é? Ninguém havia me dito isso ainda? Eu pensei que seria somente feito para diversão e não para oração.
Advogado: – Mas, cala a boca! Desse jeito você não vai precisar de um advogado e sim de um analista!
Promotor: – Tomando a palavra, caro colega, quero deixar ainda bem claro, que por esse deslize do nosso réu, ou por não saber sua finalidade, ele fez com que os homens não o soubessem e por isso aproveitam do seu dia o máximo, muitas vezes esquecendo o verdadeiro sentido dele… O domingo, caro juiz, foi feito para o homem e não o homem para o domingo.
Juiz: – O que você tem a dizer sobre isso, Domingo?
Advogado: – O meu cliente não tem condições de responder, então eu falarei por ele…
Domingo: – Quem disse que não? Tenho condições, sim. Não sou mudo e quero falar. Senhor Juiz, estou até envergonhado por ter feito tudo errado… Andei me lembrando de fatos tão importantes sobre o dia santo que Deus me fez… Foi no domingo que Jesus ressuscitou e que Deus descansou, por isso, peço-lhe perdão por ter feito do meu dia só diversão… Espero que de agora em diante, se absolvido for, vou tornar o meu dia… Em um dia de louvor e devoção, conscientizando a todos os homens, que o meu dia será de muita oração ao Senhor e de seu descanso.
Promotor: – Agora sim! Gostei! Com essa sua atitude, nunca mais verei os homens e suas ressacas na segunda-feira… Verei sim, homens felizes e agradecidos pela presença de Deus em sua vida.
Advogado: – Eu gostaria de…
Todos: – Calaaado!
Juiz: – Vejo que o Domingo reconheceu o seu erro e prometeu conversão, mudança. O seu veredicto, Domingo, o Senhor já o fez… Eu o absolvo, porque reconheceste o erro e irá repará-lo. Espero, que de agora em diante, todos saibam que o Domingo é um dia santo, o dia do Senhor, onde deveremos nos colocar diante Dele para recebermos as suas bênçãos. Vamos repetir, Domingo:
– O Domingo foi feito para o homem e não o homem para o Domingo!
Lição de vida: Todos nós que cremos em Jesus somos chamados a seguir seu exemplo, promovendo a fraternidade e o amor.

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Solenidade da Santíssima Trindade


Tema: “Em nome do Pai, do Filho e Espírito Santo”




Apucarana, 25 de maio de 2018.
1.BOAS VINDAS – Olá crianças! Que alegria receber vocês aqui na Salinha Catedral! Vamos iniciar o canto do Sinal da Cruz!  “Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui...” ( Cantar outros cantos de animação)

2.PREPARAÇÃO PARA O EVANGELHO – A dinâmica sobre a Santíssima Trindade só precisa de um guardanapo ou pano de prato, e você diz assim:
-A Santíssima Trindade é como um guardanapo, só que deste jeito, com este nó! (escolhe uma ponta e dá um nó)
-Tenho uma pergunta, este nó deixou de ser guardanapo?
Respostas: provavelmente vão dizer que não.
– Agora vou fazer mais um nó do outro lado (do outro lado faça um segundo nó), com este novo nó, eu posso dizer que continuo tendo um guardanapo na mão?
Respostas: provavelmente vão dizer que sim, que continua com um guardanapo.
– Então vou fazer mais um último nó! (para o terceiro nó conforme o tamanho do guardanapo pode se juntar as duas pontas que sobraram ou fazer um nó com o guardanapo inteiro para que o terceiro nó fique no meio, como na imagem abaixo).
– Posso dizer que continuo com um guardanapo na minha mão?
Respostas: Provavelmente sim!
– Só que este guardanapo tem três nós, e nenhum deles é igual, reparem!
– Cada um destes nós representa uma pessoa da Santíssima Trindade. A Santíssima Trindade é como este guardanapo, que mesmo com três nós continua sendo um único guardanapo!
E deixa as pessoas, ou as crianças a pegar o guardanapo e lembrar do que foi ensinado sobre a Santíssima Trindade.

3.EVANGELHO -   Mt 28,16-20 11.
Um dia, os Onze discípulos de Jesus ( seus amigos escolhidos para ajuda-lo da evangelizar), foram a um monte onde Jesus havia combinado de encontra-los. Jesus, já havia morrido e ressuscitado, conforme  estava escrito nas escrituras. Quando eles viram Jesus, ajoelharam –se diante dele! Vocês imaginam que ainda tinha entre eles, alguns amigos que duvidaram que Ele havia ressuscitado?? Então, Jesus chegou mais pertinho deles e disse:
“Toda a autoridade me foi dada no céu e sobre a terra. No entanto, vão e façam mais discípulos meus, em todos os lugares, países, continentes. Chegando lá, batize-os em nome do PAI, DO FILHO( que sou eu) E DO ESPÍRITO SANTO, e ensine a cumprir tudo que eu mandei! Mas não precisam se preocupar, porque eu estarei com vocês todos os dias até o fim do mundo”
Palavra da Salvação – Glória a Vós, Senhor!

4. EXPLICAÇÃO:  Para entender melhor esse “mistério” da Santíssima Trindade vamos pensar que é como um caminhão( desenho)
Observe bem  esses desenhos.




1º o caminhão! ( mostrar desenho)Para ele levar as pessoas e coisas de um lado para o outro, é necessário:





2º de estradas –( mostrar o desenho) Isso mesmo! Eles precisam de estradas, rodovias para trabalhar.

2º de combustível – ( mostrar um posto de gasolina) Vejam a greve dos caminhoneiros  em todo nosso pais, eles estão solicitando melhores condições de trabalho e como não foram atendidos, pararam de trabalhar. Mas mesmo que tivessem o combustível, poderiam fazer o seu trabalho. O combustível é a "energia".


Vamos comparar:
DEUS é o caminhão
JESUS é o caminho
ESPÍRITO SANTO é a energia
Foi necessário a estrada e o combustível e o caminhão, trabalharem com conjunto ( unidos) para que a função do caminhão desse certo. Assim é a Santíssima Trindade, são três em um! Com toda essa força conosco PAI, FILHO e ESPIRITO SANTO, é que continuamos a levar a mensagem de Jesus a todos os lugares, como Ele nos pediu!
Para concluir, vamos cantar: Trindade santa ( canção)
Era uma paizinho
Muito amoroso
Que dividiu-se
Em três irmãos
Ninguém podia vê-los não
Porque moravam no nosso coração
Ninguém ficava sem caminho
Pois Jesus era a solução
Ninguém podia ficar sozinho
Porque nosso bom Deus pregava união
Eram três pessoas muito amorosas
Deus que é o pai
Jesus é o irmão
Mas na verdade
O que mora aqui
É o Espírito Santo
Que vive em mim!
LIÇÃO DE VIDA:  Jesus está sempre conosco com o seu Espírito, que nos fortalece na missão de anunciar o amor de Deus ao mundo.
 5. ATIVIDADES
a) Salinha de recreação para as crianças menores
b) Pintura de desenho
c) Brincadeiras Recreativas


ou




sábado, 12 de maio de 2018

SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR


SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR
13 de maio de 2018

“O ressuscitado continua conosco.”



Evangelho: Mc 16,15-20

Naquele tempo, Jesus se manifestou aos onze discípulos, e disse-lhes: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a todo criatura! Quem crer e for batizado será salvo. Quem não crer será condenado. Os sinais que acompanharão aqueles que crerem serão estes: expulsarão demônios em meu nome, falarão novas línguas; se pegarem em serpentes ou beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal algum; quando impuserem as mãos sobre os doentes, eles ficarão curados”. Depois de falar com os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu, e sentou-se à direita de Deus. Os discípulos então saíram e pregaram por toda parte. O Senhor os ajudava e confirmava sua palavra por meio de sinais que a acompanhavam.

TV Criança Católica - Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=TxJmEmuWGzM&t=3s




Disponível em: https://semeandocatequese.files.wordpress.com/2016/04/cartc3a3o-dia-das-mc3a3es-mc3a3ezinha-do-cc3a9u.jpg



HOMENAGEM DO DIA DAS MÃES


Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=bv-q8YBV52Y

sexta-feira, 4 de maio de 2018

6º DOMINGO DA PÁSCOA.





 COMO EU VOS AMEI, AMAI UNS AOS OUTROS





 Evangelho (Jo 15,9-17).
Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: “Como meu Pai me amou, assim também eu vos amei. Permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, assim como eu guardei os mandamentos do meu Pai e permaneço no seu amor.Eu vos disse isso, para que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja plena.
Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei. Ninguém tem amor maior do que aquele que dá sua vida pelos amigos.Vós sois meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. Já não vos chamo servos, pois o servo não sabe o que faz o seu senhor. Eu vos chamo amigos, porque vos dei a conhecer tudo o que ouvi de meu Pai.
Não fostes vós que me escolhestes, mas fui eu que vos escolhi e vos designei para irdes e para que produzais fruto e o vosso fruto permaneça. O que então pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo concederá.Isto é o que vos ordeno: amai-vos uns aos outros”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor...


 Ideia de roteiro para teatro

PA: Hoje no evangelho falou de um mandamento de Jesus, você prestou atenção, amigo?

PB: Ah sim, para a gente amar todo mundo assim como Deus nos ama!

PA: Todo mundo? Não tinha esta parte do todo mundo, não... falou assim," amar uns aos outros, assim como Deus nos ama"...

PB: Isso, mas na prática esse uns aos outros, quem são estes outros?

PA: Ah aqueles que são da sua casa, da sua escola, os amigos da rua onde a gente mora, os primos...essas pessoas que a gente vai encontrando pela vida, sabe?

PB: Encontrando pela vida?

PA: Isso, "os outros" que fala são estes... por que pensa bem, se eu for amar lá uma pessoa do outro bairro, lá do outro lado da cidade, vai faltar um para outra pessoa amar, entendeu?

PB: Não! Como assim?

PA: Ai amigo, é assim, você ama as pessoas que são do seu meio de conviver, sabe? e cada um vai amando assim também, cada um fazendo a sua parte, amando os que estão perto, ai ninguém fica sem amor, entendeu?

PB: Eu entendi, mas acho que não é bem assim!

PA: Ah meu Deus do céu, tô achando que eu vou arrumar outro amigo para eu amar... vou mandar outra pessoa amar você... nossa que dificil você entender, tão simples...

PB: Calma, amigo... não tô fazendo para te irritar, só acho que não é assim... veja bem...se a gente amar só quem é do nosso convívio e esperar que cada um faça a sua parte, como é que vai ser com aquelas pessoas que não conheceram o amor de Deus ainda, como vão amar os outros?

PA: Nossa, amigo... não tinha pensando nisso... e tem mais, talvez elas nem saibam que Deus ama muito, muito elas mesmas né...Ah meu Deus que tristeza isso...Então, não funciona mesmo do jeito que falei, você tem razão e como faremos?

PB: Eu acho assim, precisamos sempre, sempre falar do amor de Deus... para todo mundo, próximo ou não... precisamos ir encontrar novas pessoas...

PA: Ixi... mas acho que nossa mãe não vai deixar a gente sair por ai para fazer isso... é muito importante, mas acho que ela ama muito a gente né, não pode ficar assim tanto tempo sem o nosso amor de filhinho! hehehe

PB: Ai amigo... você é engraçado... é nossa mãe não ia mesmo deixar a gente viajar nesta missão. E nem precisa....

PA: Não? Vamos ligar? manda mensagem de celular? Ah isso não é amar nada! Jesus nem tinha celular, você já pensou nisso!?

PB: Calma, amigo... quando eu disse de buscar pessoas diferentes do nosso convívio, quis falar de não ir tão longe, é um amigo da sala de aula, a nossa ou a outra, um vizinho lá do fim da rua, o primo do primo que não é seu primo...assim, sabe?

PA: Hum... melhorou... mas assim, não sei amar eles não... dificil, hein... chegar dando um abraço, falando de Jesus... estranho...não acha?

PB: Acho, por isso, primeiro, temos que mostrar para as pessoas que nós já amamos muito Jesus e ele mora no nosso coração, mostrar que esta alegria que a gente tem eles podem sentir também... primeiro tem que fazer amizade, sabe?

PA: Huum verdade... não chegar, chegando né...

PB: Não. Nada disso. temos que mostrar que porque temos Jesus morando no nosso coração somos felizes e que ele sempre está com a gente, nos bons momentos brincando e nos momentos que ficamos tristes... é nosso grande amigão...

PA: Ótima ideia... acho que este sim é o que o evangelho pede hoje: que não importa quem seja, a gente tem a missão de amar e mostrar o amor de Jesus!

Fonte Cantinhos dos Anjos












sábado, 28 de abril de 2018

5º DOMINGO DA PÁSCOA

Resultado de imagem para Jo 15,1-8


29 de abril de 2018


“Unidos a Cristo e aos irmãos.”



EVANGELHO - Jo 15,1-8


Naquele tempo, Jesus disse a seus discípulos: “Eu sou a videira verdadeira e meu Pai é o agricultor. Todo ramo que em mim não dá fruto ele o corta; e todo ramo que dá fruto, ele o limpa, para que dê mais fruto ainda. Vós já estais limpos por causa da palavra que eu vos falei. Permanecei em mim e eu permanecerei em vós. Como o ramo não pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira, assim também vós não podereis dar fruto, se não permanecerdes em mim. Eu sou a videira e vós os ramos. Aquele que permanece em mim, e eu nele, esse produz muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. Quem não permanecer em mim, será lançado fora como um ramo e secará. Tais ramos são recolhidos, lançados no fogo e queima dos.  Se permanecerdes em mim e minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes e vos será dado.  Nisto meu Pai é glorificado: que deis muito fruto e vos torneis meus discípulos.”


Conversar com as crianças a respeito do evangelho, utilizando dois ramos de árvore: um com folhas murchas e outro com folhas secas ou sem folhas.

                                                 Disponível em: https://youtu.be/c4IbEuZTavg

sexta-feira, 20 de abril de 2018

4º Domingo da Páscoa


Apucarana, 22 de abril de 2018.
 Tema: “Jesus é o Bom Pastor”
1.AMBIENTAÇÃO – Sejam bem vindas crianças, na Salinha Catedral. Iniciemos com o sinal da cruz ( cantar outras canções infantis de evangelização).
2.PREPARAÇÃO PARA O EVANGELHO-
Hoje, através da musica que eu vou cantar agora, vocês vão adivinhar qual será o tema da nossa reflexão de hoje, está certo? E quem souber cantar pode me acompanhar.
Eu sou a ovelhinha
Jesus é meu pastor
Jesus me põe nos ombros
Com muito amor
Me chama pelo nome
E eu conheço sua voz
Ele ama seu rebanho
E cada um de nós
Cada um
Cada uma
E agora crianças , de quem se falou nessa musica ?
Quem é o pastor ? O que faz o pastor ?
Quem são as ovelhas ? E como Jesus as carrega ?
Vocês são as ovelhas de Jesus , e quando ele as chamam vocês o atendem também? Vocês se deixam ser carregados nos ombros de jesus ?


3-EVANGELHO ILUSTRADO – O Bom Pastor
Naquele tempo, Jesus disse:  “Eu sou o bom pastor”.  O bom pastor dá a vida or suas ovelhas.




O ladrão, que não é pastor e não é dono das ovelhas, vê o lobo chegar, abandona as ovelhas e foge de medo, o lobo ataca as ovelhas e espanta-as.  O ladrão não se importa com as ovelhas.




Eu sou o Bom Pastor. Conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem, assim como  Deus Pai me conhece e eu conheço o Deus Pai.





Eu dou minha vida pelas ovelhas. Tenho ainda outras ovelhas que não são deste rebanho: também a elas devo conduzir; elas escutarão a minha voz, e haverá um só rebanho e um só pastor.



 É por isso que o Pai me ama, porque dou a minha vida, para depois recebê-la novamente. Protejo minhas ovelhas de todos os perigos.




Ninguém tira a minha vida, eu a dou por mim mesmo; tenho poder de entrega-la e tenho poder de recebê-la novamente; essa é a ordem que recebi do meu Pai”. Que nenhuma das vinhas ovelhas se percam.





Conclusão: “Que alegria saber que Jesus é o bom pastor que cuida de nós, nos ama e nos quer bem”
Ao contrário daqueles que se dizem pastores, mas que não tem compromisso com o seu rebanho, Jesus é um Pastor solícito, Ele que conhece cada ovelha pelo nome, sabe de suas necessidades! 
Como Pastor verdadeiro, Jesus não ilude as suas ovelhas com promessas de vida fácil, mas Ele garante a segurança delas e, se preciso for, as carrega no colo, cura as suas feridas!
O primeiro passo de quem deseja fazer parte do rebanho do Senhor, é a conversão do coração, a conversão nos abre à luz de Cristo, nos insere no coração do Pai! 
Quem coloca em prática os ensinamentos de Jesus, não tem dificuldades em reconhecer a voz do Bom Pastor em meio as vozes dos falsos pastores! 
Como ovelhas pertencentes ao rebanho do Senhor, devemos testemunhar a nossa adesão à Jesus sem nos intimidar diante os falsos pastores, aqueles que tentam sobrepor a voz do Pastor verdadeiro!
De pé com alegria vamos cantar pra receber a jesus ,nosso bom pastor .
Oração – Senhor Jesus, meu bom pastor…
Como ovelhinha que sou
Sinto-me agradecida ao Senhor
Por saber que sou protegido (a) e amado (a)
Obrigado por todo o seu amor
Prometo sempre seguir seus ensinamentos
E não me esquecer que jamais estarei sozinho
Cuide Senhor, que todos os meus irmãos.
Mais afastados do rebanho e longe de ti
Tenham a alegria de retornar ao caminho
de conhecer seu amor e seu carinho
Amém
4- ATIVIDADES
   a)   Salinha de recreação
   b) Montagem da ovelhinha 

 Pesquisa: Luzia de Fátima Gonçalves da Silva - Escola Nossa Senhora da Alegria - Apucarana
Fonte - www.catequisar.com